“Deus te ama do jeito que você é, mas o Evangelho exige mudança”, diz ex-gay.

Publicado por em 7 de junho de 2019

Entre os participantes da Freedom March estava Luis Javier Ruiz, sobrevivente do massacre na Pulse Nightclub, uma balada LGBT que foi atacada em 12 de junho de 2016.

Em entrevista à CBN News, Ruiz contou que acredita na mudança de opção sexual, pois foi o que ele vivenciou. Ele ainda declarou que, pela Bíblia, não é possível ser um cristão gay.“Em vez de provar por que você pode ser um cristão gay, tenha uma mente aberta e tente pesquisar por que a Bíblia diz que você não pode. Eu não pretendo basear suas crenças no que as pessoas dizem, no que o Facebook diz, ou mesmo cultura e sociedade, mas o que a Palavra diz, faça sua pesquisa e veja por que as pessoas estão saindo dos estilos de vida LGBTQ+”, afirmou.

A Freedom March aconteceu no dia 23 de maio em Washington D.C. (EUA), reunindo ex-homossexuais que provam que é possível deixar a prática.

“Não estou dizendo que somos perfeitos ou que a tentação não vem. A tentação não é um pecado, mas agir sobre a tentação é”, revelou o homem de 35 anos.

Informações: Gospel Prime

Tagged as

Opiniões dos ouvintes

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.Campos obrigatórios são marcados com *



Rádio

Web Gospel

Current track

Title

Artist